Doenças neurológicas crônicas entram em lista de prioridade da vacina contra a Covid-19


O Ministério da Saúde atualizou a lista na última semana


As comorbidades que configuram prioridade para tomar a vacina contra a Covid-19 ganharam reforço: a partir de 20 de maio, as doenças neurológicas crônicas também foram incluídas na lista do Plano Nacional de Operacionalização (PNO), pelo Ministério da Saúde. São elas:

  • Doença cerebrovascular (acidente vascular cerebral isquêmico ou hemorrágico; ataque isquêmico transitório; demência vascular);

  • Doenças neurológicas crônicas que impactem na função respiratória;

  • Paralisia cerebral;

  • Esclerose múltipla e condições similares;

  • Doenças hereditárias e degenerativas do sistema nervoso ou muscular;

  • Deficiência neurológica grave.

A notícia é importante e vem pouco tempo depois de estudos indicarem que condições neurológicas degenerativas aumentam os riscos para o desenvolvimento da forma mais grave da Covid-19 e até mesmo para a morte, como doença de Parkinson, doença de Alzheimer e demências. De acordo com informações do Ministério da Saúde, para comprovar as comorbidades, os pacientes poderão seguir dois caminhos:

Os que realizam o acompanhamento pelo Sistema Único de Saúde (SUS) deverão apresentar o cartão do posto de atendimento, juntamente com um documento de identificação. As informações médicas do sistema serão levadas em conta. Os que não realizam o acompanhamento pelo SUS, deverão apresentar um comprovante da sua comorbidade, como laudos, declarações, prescrições médicas ou relatórios médicos com descritivo ou código internacional da doença (CID) ou condição de saúde e CPF.

Conheça as demais comorbidades que figuram a lista de prioridades para a vacinação:

  • Diabetes mellitus

  • Pneumopatias crônicas graves

  • Hipertensão Arterial

  • Doença renal crônica

  • Imunocomprometidos

  • Hemoglobinopatias graves

  • Obesidade mórbida

  • Síndrome de down

  • Cirrose hepática

  • Doenças cardiovasculares, como: Insuficiência cardíaca, Cor-pulmonale e Hipertensão pulmonar, Cardiopatia hipertensiva, Síndromes coronarianas, Valvopatias, Miocardiopatias e Pericardiopatias, Doenças da Aorta, dos Grandes Vasos e Fístulas arteriovenosas, Arritmias cardíacas, Cardiopatias congênita no adulto, Próteses valvares e Dispositivos cardíacos implantados

Para conhecer os dias e locais de vacinação para pessoas com comorbidades, é necessário se informar com a secretaria de saúde da cidade em que reside o paciente, pois cada estado determina suas regras.

São Paulo, 26 de maio de 2021

176 visualizações