CBAN 2022: Atualizações em Hidrocefalia Fetal

Neurocirurgiã destaca importância do acompanhamento multidisciplinar para todas as decisões das malformações fetais São Paulo, setembro de 2022 - No primeiro dia de CBAN 2022 contamos com diversas apresentações no módulo de Hidrocefalia. Entre elas, tivemos a presença da Dra. Nelci Zanon, Coordenadora da Comissão das Mulheres da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia (SBN) e Presidente Eleita na Associação Brasileira das Mulheres Médicas (ABMM), palestrando sobre as atualizações em hidrocefalia fetal.

Durante a apresentação, a médica destacou a importância de não estigmatizar o paciente, já que, com o diagnóstico de malformações fetais, muitas famílias chegam até o neurocirurgião totalmente desacreditadas do potencial da criança que ainda não nasceu.

Segundo a médica, a neurocirurgia tem um papel importante em acolher esses futuros pais que chegam ao consultório, muitas vezes, com informações que ainda não são concretas, e alinhar as expectativas da família com a realidade de acordo com o conhecimento neurocirúrgico.

Por se tratar de um assunto que envolve diversas especialidades médicas além da ginecologia e obstetrícia, a Dra. Nelci Zanon defende a participação do neurocirurgião no acompanhamento das malformações do sistema nervoso central desde o primeiro momento: “Nós devemos nos aproximar mais das sociedades de obstetrícia para que esse assunto seja parte desse conjunto de discussões”, alerta a médica.

Trazer esse importante tema para ser discutido com outros especialistas da área tem como objetivo mostrar que as famílias que recebem esse diagnóstico podem ser acolhidas antes do nascimento e o neurocirurgião pode participar da vida dessas famílias, não apenas o obstetra. “Afinal, o neurocirurgião vai acompanhar essa criança pelo resto da vida, então ele também deve conhecê-la antes do nascimento”, conclui Nelci.

Além da palestra sobre a hidrocefalia fetal, a médica encoraja que médicos participem de congressos de atualização: “Eventos como o CBAN são importantes para a saúde mental de todos nós, porque o que aconteceu, o isolamento social, adoeceu muita gente. Estamos recuperando a saúde mental de muita gente, muitos profissionais que estão aqui hoje. É importante esse calor humano, isso o Zoom não consegue transmitir”, finaliza.

Para conferir a cobertura do CBAN 2022 realizada pela SBNTV, clique aqui e acesse nossos conteúdos.

44 visualizações